Você sabe o que é IoT?

Você sabe o que é IoT?

Já imaginou você chegando em casa depois de um dia cansativo e ao abrir a porta do seu quarto o ar condicionado ligar automaticamente, mantendo a sua temperatura favorita? E que tal uma geladeira que envia uma mensagem via sms, informando o que você precisa comprar para repor os suprimentos? Sim, parece coisa de filme. Mas a verdade é que isso está bem mais acessível do que você imagina.

Internet das coisas

Talvez um dos temas mais falado nos últimos anos. A internet das coisas ou mais conhecido como IoT refere-se à conexão de dispositivos. Imagine todas as coisas ao seu redor como, carros, eletrodomésticos, mesa, pessoas, ou seja, todas as coisas, conectadas à internet. Agora imagine todos esses elementos/objetos compartilhando informação ou se ajustando em prol a comodidade pessoal. Isso mesmo! A internet das coisas vem com essa proposta, levar a internet a um nível totalmente diferente, onde não só as aplicações web interagem entre si (e com as pessoas), mas também inúmeros objetos no mundo físico.

Tendências e Mercado

Segundo a BI Intelligence, serviço de pesquisa premium da Business insider, espera que haverá mais de 24 bilhões de dispositivos IoT na Terra até 2020. Isso é aproximadamente quatro dispositivos para cada ser humano no planeta.

Para conectar todos esses dispositivos à internet é preciso dar-lhes uma identificação única. Com os alarmes de falta de IPv4 esses números se tornam impossíveis de serem alcançados. Mas com a chegada do IPv6 o IoT ganhou mais força e diversos dispositivos já estão sendo projetados. Podemos agora facilmente atribuir um endereço IP para cada “coisa” no planeta. Uma vez que um objeto tem uma identidade, qualquer capacidade interna para sentir o mundo à sua volta pode ser aproveitada e quantificada. Finalmente, as coisas podem ser feitas para se comunicar com outras coisas.

Elementos que compõe o IoT

Existem alguns elementos primordiais que em junção caracteriza o IoT. Dentre eles estão:

Internet das Coisas: Uma rede de objetos conectados à Internet, capazes de coletar e trocar dados usando sensores incorporados.

Dispositivo internet das coisas: Qualquer dispositivo autônomo conectado à Internet, que possa ser monitorado e / ou controlado a partir de um local remoto.

Ecossistema Internet das Coisas: Todos os componentes que permitem que empresas, governos e consumidores se conectem aos seus dispositivos IoT, incluindo controles remotos, painéis, redes, gateways, análise, armazenamento de dados e segurança.

Entidade: Inclui empresas, governos e consumidores.

Camada Física: O hardware que faz um dispositivo IoT, incluindo sensores e equipamentos de rede.

Camada de rede: Responsável pela transmissão dos dados coletados pela camada física para diferentes dispositivos.

Camada de Aplicação: Isso inclui os protocolos e interfaces que os dispositivos usam para identificar e comunicar uns com os outros.

Controles Remotos: Controles para conectarem aos IoT e controlá-los. Pode ser usado um painel de controle, como um aplicativo móvel. Eles incluem smartphones, tablets, PCs, smartwatches, TVs conectadas e controles remotos não tradicionais.

Dashboard: Exibe informações sobre o ecossistema de IoT para os usuários e permite que eles controlem seu ecossistema de IoT. É geralmente abrigado em um controle remoto.

Análise: Sistemas de software que analisam os dados gerados pelos dispositivos IoT. A análise pode ser usada para uma variedade de cenários, como a manutenção preditiva.

Armazenamento de dados: Onde os dados dos dispositivos IoT são armazenados.

Benefícios e segurança

Sem sombra de dúvidas o IoT vem forte e pode beneficiar todos em sua volta, empresas, consumidores, hospitais etc. E um dos tópicos mais abordados nessa tendência é a segurança e privacidade. Já que dessa forma tudo ao seu redor estará conectado a internet, a preocupação com a informação e privacidade se torna ainda mais forte. E hoje o mundo cibernético tem se voltado para a segurança da informação no todo, e com o IoT não é diferente.

Se você gostou de saber um pouquinho sobre IoT, deixe seu comentário no post, compartilhe com seu amigo que está pensando em fazer um projeto usando IoT. Nos próximo posts vamos trazer assuntos relacionados a esse tema. Até mais!

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Cadastre seu email

Quero Receber Novidades, Ofertas e Vagas de empregos